O primeiro gol do Coritiba na vitória por 2 a 1 sobre o América-RN foi creditado à cobrança de falta de Rafinha, apesar da bola ter desviado no zagueiro Cleiton. Sobre essa situação, o meia brincou: “O Cleiton é zagueiro, eu sou meio-campo, preciso fazer mais gol que ele, fico feliz do juiz ter dado o gol para mim”.

De qualquer forma, Rafinha comemorou a grande vitória conquistada fora de casa, que colocou o Coritiba na liderança da Série B. “O Coritiba é uma equipe grande, nem deveria estar na segunda divisão, vamos conseguir esse acesso o mais rápido possível, estamos aqui de passagem só”, disse o jogador.

No entanto, o meia reclamou da grande quantidade de gols desperdiçados pela equipe alviverde. “Criamos bastantes chances claríssimas de gol, mas desperdiçamos. Quase sofremos o gol de empate. Vamos trabalhar bastante essa semana, treinar finalizações para não errar mais. A gente vem de um jogo desgastante, uma viagem longa, e não podemos perder tantos gols. No vestiário o Ney já nos cobrou isso”, afirmou.

Para Rafinha, o intervalo entre o jogo de hoje e a próxima partida, apenas na semana que vem, será importante para o Verdão: “É importante a gente descansar, já que não podemos jogar em Curitiba, é desgastante ir até Joinville. É bom ter um tempo maior entre um jogo e outro para estarmos bem preparados para enfrentar o Sport e conseguir mais uma vitória”.