O CEECOR confirmou na tarde desta terça-feira uma lesão de grau um no meia Rafinha. O atleta vinha sentindo dores durante a semana e ontem à noite passou por um exame de ressonância magnética, que apontou uma lesão muscular na posterior da coxa direita.

De acordo com o Dr. Walmir Sampaio, a previsão é de que o atleta fique em tratamento por aproximadamente duas semanas.

Já o lateral Triguinho, que também passou por exames, não teve indícios de lesão e hoje já treinou normalmente com o restante do grupo no CT da Graciosa.