A antecipação da janela de trasferência internacional permite que o Coritiba já possa inscrever o meia Sandro, que veio da Turquia. A tendência é que o nome do jogador seja publicado ainda esta semana no BID. No entanto, a estreia do atleta com a camisa alviverde deve ficar para o dia 30, na partida contra o Vila Nova.

É porque Sandro sofrei uma lesão no pé quando disputou um dos amistosos do Torneio de Florianópolis. Com isso, o meia ainda está aprimorando a parte física. “Ele sentiu uma contusão no pé e teve que ficar duas semanas se recuperando. Dentro do nosso planejamento, a tendência de estreia é diante do Vila Nova, em Goiânia”, explicou o técnico Ney Franco.

Mesmo tendo que esperar mais alguns dias para entrar em campo, Sandro diz que ficou muito feliz com a notícia da abertura da janela com duas semanas de antecedência. “Não vejo a hora de estrear com a camisa do Coritiba, até por que meu último jogo vai fazer quase três meses. Desde então, fiquei parado, só treinando, e estou ansioso e esperando dar continuidade ao trabalho”, disse.

Mas o meia sabe que terá que correr contra o tempo para encontrar as condições físicas ideias até o dia 30: “A princípio somente no dia 3 de gosto teria condição de jogo. Como adiou duas semanas tenho que me preparar rápido e ficar à disposição, porque meu objetivo é jogar, vim aqui pra ajudar o grupo”.

Depois de dez dias no Departamento Médico se recuperando das dores no pé, Sandro retoma hoje os treinamentos com o restante do elenco alviverde. “Já tenho entrosamento, já conheço vários jogadores, então acho que não terei dificuldade nenhuma. Tem três funções onde posso jogar com tranquilidade. Creio que pelo meio é onde me adapto mais, mas isso não vem em questão. Onde o Ney Franco optar e me colocar vou dar o meu máximo”, completou Sandro.