O Couto Pereira voltou a pulsar na noite desta terça-feira (27). Em campo, Coritiba e Vitória encerraram o primeiro turno da Série B do Campeonato Brasileiro e, apesar da superioridade do time, o empate em 1×1 frustrou os pouco mais de 20 mil torcedores presentes no Alto da Glória. Mas o clima já é bem diferente e, apesar do tropeço, a torcida aplaudiu o desempenho da equipe, que segue bem cotada para buscar o acesso à primeira divisão.

+ Leia também: Empate em casa tem gosto amargo pro Coxa

O horário diferenciado, mais cedo do que o normal, fez os coxas-brancas chegarem já com a bola rolando. O alçapão alviverde não ficou lotado como em outras oportunidades, mas quem foi ao Alto da Glória jogou junto e empurrou o Alviverde em busca da vitória.

O futebol envolvente e a grande atuação no primeiro tempo embalaram o ritmo das arquibancadas. O Coritiba jogou como o torcedor gosta de ver, de forma agressiva, pressionando e criando seguidas chances de marcar. Teve muita reclamação quando o gol de William Matheus foi anulado, na metade da etapa inicial.

+ Mais na Tribuna: Giovanni admite proposta do Goiás e espera liberação do Coritiba

Mas teve também pressão do Vitória. Na melhor chance do time baiano, Anselmo Ramon quase marcou e Alex Muralha, depois de fazer grande defesa, foi aclamado pelo torcedor presente no Couto Pereira. O goleiro provou que ganhou de vez o respeito e o carinho dos alviverdes.

Só que o melhor do primeiro tempo ficou para os minutos finais. A boa atuação do Coxa foi recompensada aos 39 minutos, com o gol anotado pelo meia Juan Alano. O grito saiu da garganta do torcedor, que, do lado de fora, deu um show à parte e explodiu de alegria.

+ Confira a classificação completa da Série B!

Time e torcida seguiram jogando juntos no segundo tempo. O Vitória até melhorou um pouco, mas o Alviverde seguiu criando as melhores chances. Empurrado pela arquibancada, o Alviverde chegou perto do segundo gol, mas quem marcou foi a equipe baiana, em um belo chute de fora da área de Lucas Cândido.

O gol veio como um balde d’água fria para o time e para torcida. Mas o apoio das arquibancadas seguiu. O Coritiba foi com tudo em busca da vitória. Junto com o torcedor, o Verdão lutou até o final, mas não conseguiu vencer e ficou mais longe da liderança. Mesmo com o tropeço, vieram os aplausos da torcida, que vê o clube ainda bem condicionado para buscar o acesso à primeira divisão neste ano.