A nota enviada anteriormente contém um erro no título. O Sport venceu o ABC na Ilha do Retiro, e não no Estádio dos Aflitos, como foi informado.

Após dois empates consecutivos, a Ilha do Retiro finalmente voltou a jogar a favor do Sport. Em sua melhor apresentação na Série B do Campeonato Brasileiro até agora, o time pernambucano venceu o ABC por 2 a 0 e derrubou o último invicto da competição, na noite desta terça-feira, em Recife, pela oitava rodada.

Nos últimos dois jogos em casa, o Sport havia empatado com o Duque de Caxias, por 1 a 1, e com o Criciúma, por 0 a 0. A vitória, porém, recoloca o clube próximo dos líderes, com 13 pontos. Perde para o ABC, o quinto colocado, apenas no número de gols marcados: 11 a 7. Os potiguares conheceram sua primeira derrota, após três vitórias e quatro empates. E também somam 13 pontos.

Ao contrário de partidas anteriores, o Sport começou a partida impondo seu jogo e logo aos oito minutos abriu o placar. O lateral Moacir invadiu a área pela direita e emendou um forte chute, cruzado e certeiro. A bola entrou no ângulo direito do goleiro Wellington. No restante da primeira etapa, o ABC conseguiu equilibrar as ações, mas sem eficiência.

No segundo tempo, o time pernambucano voltou mais consciente a sacramentou sua vitória com o segundo gol aos 28 minutos. O volante Hamilton invadiu a área pela direita e finalizou rasteiro, surpreendendo o goleiro. O ABC não conseguiu mais reagir.

No próximo sábado, às 16h20, o Sport volta a campo para enfrentar o São Caetano, no Estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul. O ABC jogará contra o Criciúma, no mesmo dia, às 21 horas, no Estádio Frasqueirão, em Natal.

Ficha Técnica:

Sport 2 x 0 ABC

Sport – Rodrigo Calaça; Moacir, Gabriel, Tobi e Wellington Saci; Hamilton, Daniel Paulista, Maylson (Naldinho) e Thiaguinho (Carlinhos Bala); Danielzinho e Paulista (Bruno Mineiro). Técnico: Mazola Júnior (interino).

ABC – Wellington; Tiago Garça, Leonardo (Chimba) e Alessandro Lopes; Pio, Marcus Vinícius (Makelelê), Ricardo Oliveira, Cascata e Renatinho Potiguar; Malaquias (Nego) e Leandrão. Técnico: Leandro Campos.

Gols – Moacir, aos 8 minutos do primeiro tempo. Hamilton, aos 28 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos – Hamilton, Renatinho Potiguar e Chimba.

Árbitro – Flávio Feijó de Omena (AL).

Renda – R$ 109.905,00.

Público – 16.919 pagantes.

Local – Ilha do Retiro, em Recife (PE).