Pode parece estranho, mas o Coritiba ainda não realizou nenhuma ação que o aproxime da renovação com o meio-campista Lúcio Flávio, que tem contrato encerrando em 31 de dezembro. Apesar disso, os dirigentes seguem garantindo que o jogador é uma das prioridades para o elenco que será formado para a temporada 2003. Entender essas duas situações aparentemente díspares é entender a estratégia de trabalho para acertar com ele.

Lúcio Flávio pode não ter sido o comandante que a torcida esperava dentro de campo, mas fez seu papel durante o campeonato brasileiro. Ele foi o vice-artilheiro do Coritiba com seis gols, e participou de mais nove como assistente (o que prepara a jogada ou que dá o passe final). Com isso, Lúcio terminou a competição sendo “responsável” por 44% dos gols do Cori, o que o transforma em principal peça do meio-campo e ataque alviverdes – pelo menos nos números.

E são os números que complicam a negociação de uma renovação de contrato. O procurador do atleta (ex-jogador e tio de Lúcio, Ney Santos) ainda não conversou com a diretoria alviverde, e já declarou que outras equipes têm interesse na contratação de Lúcio Flávio. Destas propostas, nada chegou ao Coritiba. “Estamos aguardando um contato dele, e daí sabermos o que existe de verdade”, resume o secretário Domingos Moro.

Como essa conversa ainda não aconteceu, é muito provável que Lúcio retorne aos treinamentos no dia 11 sem ter seu futuro definido. Pode até acontecer de o meio-campista não estar na reapresentação do dia 2 de janeiro, mas sem clube para jogar. O Paraná Clube, que detém os direitos federativos do jogador, não teria interesse imediato em seu retorno, principalmente pelo alto salário.

E esse impasse que pode acontecer seria favorável ao Coritiba. Se não tiver clube para jogar (e se as propostas não se concretizarem), em teoria uma renovação seria mais fácil. E como ainda há arestas dentro do próprio clube a serem aparadas, o negócio pode demorar a acontecer. E do jeito que a coisa anda, quanto mais demorar, melhor.

Enquete

O site de Lúcio Flávio (

www.lucioflavio.com.br ) está promovendo uma pesquisa com os internautas. A pergunta é justamente em que clube eles gostariam de ver o meio-campista jogando no ano que vem. Quem participar concorre a um jantar com ele no dia 19 de dezembro. Até às 17h de ontem, o destino preferido para o jogador era o Coritiba, seguido por Paraná, Corinthians, São Paulo e Atlético.