A torcida alviverde voltou a sorrir na tarde deste domingo. O Coxa fez uma boa exibição e derrotou o líder Corinthians pelo placar de 1 a 0, gol de Jonas, aos 27 minutos do segundo tempo. Apesar da vitória magra, o jogo foi disputadíssimo e equilibrado, onde prevaleceu a máxima de que “quem errar menos, leva”. Melhor para o Verdão, que subiu na tabela de classificação e volta a sonhar com a Libertadores. O Corinthians, mesmo com o resultado adverso, ainda lidera o Brasileirão.

Parecia que tudo conspirava a favor do Coxa. O tempo firme e com sol trouxe muita gente para o campo. Com o Couto Pereira tomado pela galera alviverde, o time entrou atento, disposto a apagar as más impressões dos dois últimos jogos (empate para o Atlético em casa e derrota para o Atlético-GO fora). Logo no início, o time tratou de impor um ritmo forte para cima do Corinthians. Porém, o alvinegro paulista não é líder por acaso e também assustava com descidas rápidas.

Os dois times criaram boas chances de abrir o marcador no primeiro tempo, mas Júlio César e Vanderlei trataram de deixar o zero no placar. O Corinthians chegou com perigo em um chute de Emerson e Willian e o Coxa respondeu com Tcheco e Rafinha.

Para a segunda etapa, o técnico Marcelo Oliveira pediu para o time adiantar a marcação e ir para o abafa. A estratégia deu certo, pois o equilíbrio de outrora acabou e o Coxa tratou de ir em busca da vitória.  As entradas de Caio Vinícius e de Everton Costa deixaram o time paranaense mais ofensivo, criando boas jogadas para chegar ao gol.

Apesar de melhor, o gol só veio aos 27 do segundo tempo. Rafinha cruzou para Everton Costa que, de cabeça, deu um passe açucarado para Jonas, livre de marcação, balançar as redes alvinegras. Festa Coxa Branca no Couto Pereira. O Corinthians só acordou pro jogo a partir dos 40 minutos, onde foi para o tudo ou nada. Os paulistas, inclusive, chegaram a carimbar o poste de Vanderlei duas vezes. O alvinegro foi só pressão até os 50 minutos de jogo (inexplicavelmente dados pelo árbitro), mas Vanderlei tratou de fechar a meta.

O próximo desafio do Verdão será contra o Vasco, fora de casa, que vem de derrota para o América-MG.