Vamos às notas do Coritiba na derrota por 2×1 para o Bahia, nesta segunda-feira (16), no Couto Pereira, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Coritiba

Wilson: Sofreu com os erros da defesa – 6.

Maílton: Na sua estreia, mostrou virtudes, mas sentiu muito a falta de ritmo – 5,5.

Rodolfo: Falhou no gol de empate do Bahia – 5.

Sabino: Inseguro, sentiu o nervosismo pela situação do Coritiba – 5,5.

William Matheus: Começou voando o jogo, com assistência e tudo, mas caiu de produção no decorrer do tempo – 6.

Hugo Moura: Bom destruidor de jogadas, mas quando precisa acelerar o passe, tem dificuldades – 5,5.

Matheus Sales: Como segundo volante, não consegue dar ritmo ao Coritiba – 5,5. Pablo Thomaz entrou no finalzinho – sem nota.

Mattheus Oliveira: Bons passes, mas totalmente fora de ritmo – 5,5. Sarrafiore o substituiu e não foi bem – 4,5.

Giovanni Augusto: Enquanto teve fôlego, fez gol, foi participativo e era o melhor jogador do Coritiba. Mas desabou fisicamente a partir da metade do segundo tempo – 7.

Robson: Teve duas chances claras e não conferiu. E não conseguiu parar Nino Paraíba – 4,5.

Neílton: Tecnicamente não foi bem. Mesmo assim teve ótima chance no segundo tempo – 5. Rodrigo Muniz entrou e não pegou na bola – 5.

Pachequinho: Forçado pelas circunstâncias, tentou uma mudança tática, que sucumbiu com os erros do time – 5,5.

+ Confira todos os posts do blog AQUI!

Bahia

Com um elenco bem superior ao do Coritiba, foi envolvido em parte do jogo, mas soube se aproveitar dos erros do adversário – mesmo sem querer, como no gol da virada. Nino Paraíba foi o destaque.