Vamos às notas do Coritiba na derrota por 2×1 para o Santos, neste sábado (17), no Couto Pereira, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Coritiba

Wilson: Nos dois gols, não teve o que fazer – 6.

Natanael: Perdia o duelo com Soteldo quando foi susbtituído – 5. Matheus Galdezani entrou já com 2×0 contra, mas mesmo assim melhorou o time – 6,5.

Henrique Vermudt: O jovem zagueiro teve uma atuação discreta – 6.

Nathan Silva: Está furos abaixo de Sabino – 5,5.

William Matheus: Teve bons momentos e levou vantagem sobre Madson – 6,5.

Matheus Sales: Teve sua atuação comprometida com a improvisação na lateral-direita – 5,5. Matheus Bueno entrou no final da partida – sem nota.

Hugo Moura: Um volante burocrático. No desarme, foi bem. E só – 5,5. Foi trocado por Ricardo Oliveira aos 40 do segundo tempo – sem nota.

Yan Sasse: Muitos erros de decisão e uma atuação abaixo da vitória sobre o Palmeiras – 5. Nathan entrou no seu lugar e pouco participou – 5.

Giovanni Augusto: O melhor do Coritiba, participando bastante do jogo e fazendo um golaço – 7,5.

Robson: Tentou muito, como de praxe, mas não acertou – 6.

Rodrigo Muniz: Teve uma ótima chance no primeiro tempo. No mais, a bola não chegou nele – 5,5. Neílton o substituiu e teve dificuldades – 5,5.

Jorginho: Errou na escalação, corrigindo só quando o Coritiba perdia – 5.

+ Confira todos os posts do blog AQUI!

Santos

Um time cheio de desfalques que teve em Soteldo a diferença do jogo. O venezuelano foi o melhor em campo no que pode ser sua última partida pelo Peixe.