Vamos às notas do Coritiba na derrota por 2×1 para o Grêmio, na noite desta quarta-feira (7), na Arena, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Coritiba

Wilson: Além de não ter o que fazer nos gols, ainda fez duas boas intervenções – 6,5.

Natanael: O jovem é disparado o melhor lateral do Coritiba – 6.

Rodolfo: Ficou exposto mais uma vez – 5. Nathan Silva entrou em seu lugar e não comprometeu, ainda fazendo o gol – 6,5.

Sabino: Sofreu com a pressão do Grêmio – 5,5.

William Matheus: Começou como meia e depois voltou para o seu setor – 5,5.

Ramón Martínez: É um marcador, e é colocado para jogar na armação. Não dá certo – 5. Neílton o substituiu no intervalo e deu mais mobilidade ao ataque – 6.

Matheus Sales: Passou o primeiro tempo todo como meia pela direita. Quando passou para a dele, melhorou muito – 6.

Hugo Moura: Se jogar na dele, pode até ser útil. Mas como meia não dá – 5. Pablo Thomaz entrou no finalzinho – sem nota.

Guilherme Biro: Foi queimado pelo técnico e saiu com 18 minutos de jogo – sem nota. Giovanni Augusto entrou e tentou dar mais poder de fogo – 6.

Gabriel: Não é um jogador de iniciativa, e por isso não dá a contribuição que se espera dele – 5. Saiu para a entrada de Yan Sasse já nos últimos instantes – sem nota.

Robson: É um guerreiro. Jogador mais perigoso do Coritiba e por um tempo inteiro o único que atacava – 6,5.

Jorginho: Errou na escalação e em queimar Guilherme Biro – 3,5.

+ Confira todos os posts do blog AQUI!

Grêmio

Time de muita qualidade, mas que mostrou certa displicência após abrir vantagem. Matheus Henrique e Pepê jogam muito.