Rival do Brasil na abertura da Copa, quinta-feira, no Itaquerão, a Croácia decidiu aproveitar a data limite imposta pela Fifa e realizar um corte no seu elenco nesta terça-feira. À noite, o site da federação croata anunciou que a entidade pediu para a Fifa autorizar que Ivan Mocinic deixe a lista de 23 inscritos e dê lugar a Milan Badelj.

De acordo com os croatas, Mocinic, um meia de 21 anos que nunca sequer jogou pela seleção adulta, voltou a sentir uma lesão no tornozelo e precisaria de duas a três semanas para voltar a jogar. Assim, perderia toda a primeira fase da Copa e até mesmo as oitavas de final, caso a seleção europeia avance de fase.

Como tem até 24h antes da estreia na Copa para solicitar a Fifa uma mudança na lista de inscritos, a Croácia decidiu fazer o pedido para ter Milan Badelj, um meia de 25 anos que defende o Hamburgo, da Alemanha. Para tanto, enviou toda a documentação médica à entidade máxima do futebol.

Ainda que a troca seja aceita para o Mundial, a Croácia já avisa que não contará com Badelj para a partida contra o Brasil, quinta. O jogador só se reapresentaria à equipe na sexta-feira.