A situação de Frank de Boer como técnico do Crystal Palace se complicou ainda mais neste domingo, depois que o seu time perdeu por 1 a 0 para o Burnley, fora de casa, sofrendo a quarta derrota consecutiva no Campeonato Inglês e seguindo sem pontuar neste início de competição.

O gol que pode acelerar a queda de De Boer saiu após um erro grosseiro do sul-coreano Lee Chung-Yong, que, da linha intermediária, deu um passe para trás, “lançando” o neozelandês Chris Wood, que avançou e finalizou de fora da área para superar o goleiro Wayne Hennessey, que havia saído da sua meta, logo aos três minutos do primeiro tempo.

O Crystal Palace é o primeiro time desde que a era da Premier League do Campeonato Inglês começou em 1992 a perder os primeiros quatro jogos de uma temporada. O time ainda não marcou um gol enquanto se esforça para se adaptar ao estilo de jogo do ex-zagueiro holandês Frank De Boer, que substituiu Sam Allardyce.

O time dominou a partida – foram 14 finalizações contra quatro do Burnley -, especialmente no segundo tempo no Turf Moor, mas não conseguiu empatar o jogo. Sua melhor chance surgiu aos 44 minutos da etapa final, em um cabeceio para fora de Scott Dann.

O Burnley jogou durante quase uma hora com o goleiro reserva Nick Pope depois de Tom Heaton ser substituído por causa de uma lesão no ombro esquerdo. Com a vitória, o time chegou aos sete pontos, em sétimo lugar no Inglês.

Se De Boer for demitido do Palace nas próximas semanas, será seu segundo fracasso consecutivo em um tempo curto à frente de um time, pois seu trabalho anterior na Inter de Milão durou apenas 84 dias.