O técnico Cuca vai comemorar neste sábado, diante do Fluminense, no Maracanã, pela penúltima rodada do Brasileirão, a marca de 150 jogos no comando do Atlético-MG. E ele já sabe que terá a chance de aumentar bastante esse número, porque acaba de renovar seu contrato com o clube mineiro até o final de 2014.

“É uma marca bastante expressiva e cada vez mais difícil de ser alcançada no futebol de hoje. Fico muito feliz de ter o reconhecimento de todos. Continuarei fazendo o possível para dar alegria a esse torcedor”, disse o técnico de 50 anos, que chegou ao clube em agosto de 2011 e virou ídolo da torcida atleticana.

Nesse período, Cuca levou o Atlético-MG ao principal título de sua história: a Libertadores, conquistada em julho. Também foi bicampeão mineiro nos dois últimos anos e vice-campeão brasileiro em 2012. Agora, seu desafio é preparar o time para a disputa do Mundial, a partir do dia 18 de dezembro, no Marrocos.

Antes de embarcar para o Marrocos, o Atlético-MG ainda tem duas rodadas do Brasileirão para disputar – depois do Fluminense, ainda recebe o Vitória no dia 8 de dezembro. E Cuca já avisou que, mesmo com a proximidade do Mundial, o time vai manter o ritmo no campeonato nacional, até mesmo como forma de preparação.