O Internacional estreia no segundo turno do Campeonato Gaúcho neste sábado, diante do Ypiranga, em casa, mas no clube ninguém esconde a ansiedade para a partida seguinte. No dia 8 de março a equipe vai à Vila Belmiro, onde enfrenta o Santos pela segunda rodada do Grupo 1 da Libertadores. Já pensando no confronto, o atacante Dagoberto elogiou o rival e, principalmente, o atacante Neymar.

“O Santos é uma equipe fortíssima, com laterais e meias de qualidade, além de um jogador fora de série que é o Neymar. Tem tudo para ser um grande jogo”, declarou. “Os jogos contra o Once Caldas e o Juan Aurich foram complicados, mas conseguimos ter êxito. Fizemos o nosso dever de casa nestes jogos. Agora queremos fazer um grande jogo contra o Santos para encaminhar a classificação”, completou, citando os adversários já enfrentados na competição continental.

A Libertadores é o principal objetivo do clube gaúcho neste primeiro semestre e, por isso, até mesmo o confronto diante do The Strongest, que acontecerá apenas no próximo dia 16, já está sendo projetado. “O The Strongest vem de duas vitórias. Está embalado. É preciso estar bem preparado para enfrentá-los”, disse Dagoberto.

Com três pontos, o Inter é o segundo colocado do Grupo 1, atrás do The Strongest, que tem seis, e à frente de Santos e Juan Aurich, que ainda não pontuaram. Desde a eliminação no primeiro turno do Campeonato Gaúcho, na última quarta-feira, para o rival Grêmio, a equipe está tendo tempo para treinar, visando a competição continental, e o atacante exaltou o trabalho feito pelo técnico Dorival Júnior no período.

“Todo trabalho é válido agora. O Dorival está sabendo aproveitar muito bem os últimos dias para reforçar a parte física. Vamos buscar conquistar o nosso padrão de jogo a cada dia de treinamento. Tudo vai ficar mais fácil. As vitórias e as conquistas vão aparecer. Não importa o campeonato. O Inter tem que buscar chegar em todas as finais, onde é o seu lugar”, avaliou.