O Londrina vai anunciar ainda nesta terça-feira (5) a renovação de contrato do atacante Dagoberto. Principal destaque do time na temporada passada, sendo inclusive um dos principais artilheiros da Série B, o jogador teve diversas sondagens (o Paraná Clube era um dos interessados), mas escolheu seguir no Tubarão, que montou um esquema especial de preparação para a sequência do ano. Oficialmente, o acerto está vinculado ao êxito do programa de sócio-torcedor do clube.

+ Contas: Saiba o que cada time precisa para se classificar no Paranaense

Dagoberto não queria jogar o Campeonato Paranaense – que, neste ano, não é prioridade para o LEC, a ponto de o clube emprestar meio time e o técnico Roberto Fonseca para o Novorizontino. O plano do atacante era ter um período maior de férias e depois uma pré-temporada também longa, que desse sustentação à sequência de partidas da Segundona.

+ Mudança: Allan Aal volta para o Cascavel CR

Como os planos coincidiram, veio a negociação entre Londrina e Dagol. Não houve pressa justamente porque o jogador tinha dado prioridade ao clube, e este deu o tempo de descanso que o atacante pedira. Surgiu então a possibilidade de vincular a permanência dele com o novo plano de sócio-torcedor, que também será apresentado nesta terça-feira. Segundo o gestor do LEC, Sérgio Malucelli, o contrato será assinado se cinco mil torcedores se associarem.

+ Confira os jogos e a classificação do Campeonato Paranaense

É mais uma das tentativas do Tubarão para melhorar a média de público no estádio do Café. “Vamos juntos com esse objetivo de trazer a cidade para perto da equipe. Todo mundo sai ganhando com isso. Eu quero jogar, estou feliz para jogar, quero curtir esse momento, que está sendo muito bom”, comentou Dagoberto. Em 2018, o atacante atuou em 19 partidas do LEC e marcou 17 gols.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!