Aarhus – Daiane dos Santos passou sufoco, mas garantiu vaga para disputar a final do solo no mundial de ginástica artística, em Aarhus, na Dinamarca. A brasileira teve de esperar e torcer nesta terça-feira pela segunda rodada da eliminatória com a participação de países como China, Rússia e Ucrânia para confirmar sua oitava posição na decisão – no dia anterior, ela havia sido a quinta melhor e apenas oito atletas avançam à final.

Destaque da nova geração, Laís ficou fora do mundial de Melbourne, na Austrália, no ano passado, com uma contusão na perna direita após sofrer uma queda das assimétricas, enquanto fazia o aquecimento. Ela teve de adiar sua estréia em mundiais. Na Dinamarca, a ginasta de 17 anos tem sido o destaque do Brasil Está credenciada para quatro finais – três individuais.

Laís entra em cena hoje na final por equipes ao lado de Daniele Hypólito, Bruna Costa e Daiane. O Brasil se classificou na sétima posição com 230,475 pontos – os Estados Unidos lideram, com 243,325, seguidos pela China, com 239,525. Com o resultado, as brasileiras asseguraram vaga por equipes para o pré-olímpico do ano que vem, na Alemanha – as 24 melhores seleções participarão do torneio e apenas 12 garantirão vaga às Olimpíadas de Pequim/2008.

No masculino, Diego Hypólito fará as finais no solo e salto, com finais também na sexta e no sábado.