De olho na reabilitação e no G6 – a zona de classificação à Copa Libertadores. Assim o Fluminense entra em campo na busca pela vitória contra o Internacional, nesta segunda-feira, às 20 horas, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, pela partida que encerra a 18.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Pelo Brasileirão, o Fluminense vem de uma derrota para o Ceará, em Fortaleza, e de um empate por 1 a 1 com o Bahia, no Rio de janeiro. Por isso, soma 22 pontos, na nona colocação, e quer encurtar a distância para o G-6 – hoje o sexto colocado é o Palmeiras, com 30.

O treinador Marcelo Oliveira sabe que o jogo é importante, uma vez que o Fluminense perdeu pontos importantes contra o Bahia na rodada passada. “Em uma competição como é o Campeonato Brasileiro não podemos perder pontos em casa. Portanto, o que aconteceu contra o Bahia não pode se repetir contra o Internacional, mesmo este sendo um postulante ao título”, explicou.

A vontade de ganhar e o momento do Internacional, que está na quarta colocação e sonha até com o título, geram respeito pelo lado do Fluminense. “Vamos enfrentar um grande adversário, que merece o nosso respeito pela tradição e por estar fazendo uma grande campanha. O importante é o Fluminense jogar com tranquilidade e concentração, minimizando os erros”, disse o volante Aírton.

Marcelo Oliveira não sabe se poderá contar com o meia equatoriano Junior Sornoza, que sofreu um edema na coxa esquerda contra o Bahia e pode ser vetado. Caso isso aconteça, Daniel, que teve o seu retorno solicitado ao Oeste após se destacar pelo clube paulista na Série B do Campeonato Brasileiro, vai assumir a condição de titular.