Surpresa da escalação do Vasco em Lima, Fellipe Bastos brilhou na partida contra o Alianza ao marcar os dois gols do time na partida de terça-feira, válida pela quinta rodada do Grupo 5 da Libertadores. O volante comemorou o triunfo e exaltou a garra do time carioca, que soube conter a pressão do time peruano para vencer no Peru.

“Acho que hoje o grupo foi guerreiro. Eles encostaram bastante na gente. Eles fizeram uma pressão. Mas conseguimos essa vitória que vai ser muito importante para a gente classificar’, afirmou o volante após o triunfo que deixou o Vasco próximo da classificação às oitavas de final da Libertadores.

Com o resultado, o Vasco lidera o Grupo 5 com dez pontos e torce para o Libertad bater o Nacional, o que garantiria o time antecipadamente na próxima fase do torneio. Fellipe Bastos lembrou que a equipe precisou superar um início ruim de competição, incluindo uma derrota para o Nacional em São Januário.

“A gente não começou bem a Libertadores, começamos perdendo dentro de casa, conseguimos reverter. Buscamos as vitórias. Buscamos os pontos. Graças a Deus hoje estamos líderes. Mas ainda não estamos classificados. Esperamos o resultado de amanhã (quinta-feira) para a gente ver o que vai acontecer”, disse.

Fellipe Bastos dividiu o mérito pelos seus gols contra o Alianza, ambos em finalizações de fora da área, com o técnico Cristóvão Borges. “É fruto do trabalho. O Cristóvão vem sempre trabalhando comigo essas coisas de chutar. Eu chuto muito bem”, afirmou.