Dois tenistas brasileiros estrearam nesta quarta-feira na chave de duplas masculinas do Aberto da Austrália e um deles se garantiu na segunda rodada. Trata-se de Marcelo Demoliner, que ao lado do neozelandês Marcus Daniell venceu o argentino Guillermo Duran e o português João Sousa por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/2) e 6/4, para ir à próxima fase do Grand Slam realizado em Melbourne.

Já o brasileiro Thomaz Bellucci acabou caindo já na estreia, assim como já havia acontecido na chave de simples, na última segunda-feira, quando foi batido pelo australiano Bernard Tomic. Desta vez atuando ao lado do argentino Máximo González, ele acabou não resistindo ao favoritismo do indiano Rohan Bopanna e do uruguaio Pablo Cuevas, 15º cabeças de chave da competição, que venceram por 6/4 e 7/6 (7/4).

Com o triunfo na estreia, Demoliner e Marcus Daniell se credenciaram para enfrentar na segunda rodada dois adversários ainda não definidos. Será quem levar a melhor no confronto entre a dupla formada pelo sul-africano Raven Klaasen e o norte-americano Rajeev Ram e a parceria firmada pelo italiano Paolo Lorenzi e o bielo-russo Alexander Bury, que fará parte da programação desta quinta-feira em Melbourne.

Embalados pela ida à semifinal do Torneio de Auckland, na semana passada, Demoliner e Daniell chegaram a ter o saque quebrado por duas vezes no primeiro set do duelo diante de Duran e Sousa, mas também converteram dois break points e forçaram a disputa do tie-break, no qual foram bem superiores para fechar a parcial em 7/2.

No segundo set, desta vez sem ter o serviço ameaçado, o brasileiro e neozelandês aproveitaram uma de quatro chances de quebra pata aplicar o 6/4 que liquidou o duelo, após 1h32min de disputa.

Já na partida envolvendo Bellucci, o brasileiro e Máximo González tiveram o saque quebrado por uma vez no primeiro set e viram Bopanna e Bopanna serem absolutos com o serviço na mão para fechar o primeiro set em 6/4. Já na segunda parcial, Bellucci e o argentino até chegaram a converter um break point, mas também sofreram mais uma quebra e a disputa foi ao tie-break, no qual acabaram caindo por 7/4 e foram eliminados.

Depois de Demoliner e Bellucci jogarem, há outros três brasileiros que ainda irão abrir campanha na chave de duplas em Melbourne. O principal deles é Bruno Soares, atual campeão do Grand Slam ao lado do britânico Jamie Murray e que ostenta a condição de segundo cabeça de chave. Eles enfrentarão os norte-americanos Sam Querrey e Donald Young em um dos jogos da programação desta quinta.

Já Marcelo Melo e o polonês Lukasz Kubot, cabeças de chave número 7, terão pela frente na estreia os suecos suecos Johan Brunstrom e Andreas Siljestrom. Outro último brasileiro na chave principal, o experiente André Sá e o também veterano Leander Paes estrearão contra o filipino Treat Huey e o bielo-russo Max Mirnyi, listada como 10ª dupla pré-classificada do Grand Slam.