Mutilado por desfalques e prestes a enfrentar o líder do campeonato, o São Paulo entrará em campo no Mineirão disposto a segurar o melhor ataque da competição para garantir ao menos um empate. Na 16ª posição com 30 pontos (a um da zona de rebaixamento), o time tricolor não esconde que a primeira prioridade é não ser derrotado.

De acordo com o goleiro Denis, que substituirá o suspenso Rogério Ceni na partida, o São Paulo precisa entrar com muita atenção diante de um adversário que vem moendo seus rivais e caminha a passos largos para conquistar o título com muitas rodadas de antecedência. Ao lembrar do duelo no primeiro turno – vitória cruzeirense por 3 a 0 -, o camisa 12 lembra que o time falhou demais e pede nova postura.

“Não podemos repetir os erros e não sofrer gols, isso é o mais importante. Se não sofrermos gols saímos pelo menos com o empate. Precisamos marcar bem o Cruzeiro, que é um time de ótima movimentação. Trabalhei um pouco com o Borges e com o Dagoberto. Não podemos permitir erros e temos que falar bastante com os companheiros para nos posicionarmos bem”, explicou.

Denis entra no time no momento em que o São Paulo estará desfalcado de seus principais líderes. Além de Rogério Ceni, o time não terá Antonio Carlos e Luis Fabiano, ambos com problemas musculares. Apesar de lamentar as baixas, o goleiro mostra confiança no elenco e espera que os substitutos façam bom papel.

“Eles farão falta, claro, são grandes jogadores, mas temos outros atletas para substituí-los à altura. Estamos preparados e treinamos bastante, estamos confiantes para fazer um bom jogo contra o Cruzeiro”.