O técnico da seleção francesa, Didier Deschamps, disse em entrevista a uma emissora parisiense que vai supervisionar os times de Peru, Austrália e Dinamarca, adversários da fase de grupos da Copa do Mundo em 2018, e se mostrou aliviado com o sorteio realizado nesta sexta-feira.

“Poderia ter sido pior, é claro”, disse o treinador. “O ponto em comum entre as três equipes é que todas passaram por repescagem para se classificar ao Mundial, como foi com a gente em 2014.”

Deschamps adiantou que o objetivo do time que tem Mbappé e Griezmann será terminar em primeiro na primeira fase. “Pouco importa o grupo. A seleção da França tem que se classificar para as oitavas em primeiro no grupo. Será nosso objetivo.”

O treinador garantiu que, para garantir a vaga nas oitavas, vai dedicar tempo estudando seus adversários. “Teremos tempo para supervisionar nossos rivais em seus amistoso. Esse sorteio fornece informações adicionais que nos permitirão fazer todo o planejamento.”

A França estreia no dia 16 de junho no Mundial da Rússia contra a Austrália, em Kazan. Depois, enfrenta o Peru no dia 21, em Ecaterimburgo, e, cinco dias depois, pega a Dinamarca, em Moscou. O líder do Grupo C enfrentará nas oitavas o vice do Grupo D, que tem Argentina, Islândia, Croácia e Nigéria.

Mesmo tendo pela frente a difícil tarefa de encarar a França, o técnico da seleção dinamarquesa, Age Hareide, também se mostrou satisfeito com o sorteio. “Eu certamente estou muito satisfeito. A França é muito forte e nós vamos analisar mais de perto o Peru e a Austrália”, comentou.