São Paulo (AE) – O Brasil não poderia ter começado melhor a participação na etapa final da Copa do Mundo de Ginástica Artística em Birmingham, Inglaterra. Diego Hypolito, com a nota 9,737, ganhou a medalha de ouro em uma apresentação impecável no solo. "Foi a minha melhor apresentação no solo da minha vida", disse o ginasta por telefone para a mãe, Geny Hypolito, que ficou no Rio e acompanhou a competição pela TV.

Segundo Edson Hypolito, o irmão de Diego, o atleta disse que seu maior temor antes da apresentação era com a última passagem, quando deveria executar uma rondada flick duplo com dupla pirueta. "Ele achava que se conseguisse executar esses movimentos com perfeição teria grandes chances de conquistar o ouro."

Com o resultado em Birmingham, Diego conquistou sua quinta medalha de ouro na Copa do Mundo. Antes da Inglaterra, o brasileiro venceu no Rio, em março; em La Serena (Chile), em setembro; em Glasgow (Escócia), em outubro, e em Ghent (Bélgica), no mês passado.

Antes da competição, Diego afirmou que a etapa final da Copa do Mundo era de grande importância para ele e que seu maior adversário seria o romeno Marian Dragulescu, medalha de prata nos Jogos de Atenas. "Posso afirmar que esta grande final está sendo encarada como a olimpíada que não disputei", disse o ginasta, que não conseguiu se classificar para a competição disputada este ano na Grécia.

Os outros competidores na prova de solo não conseguiram fazer apresentações perfeitas. A prata ficou com o japonês Isao Yoneda, nota 9,550. O bronze foi para o húngaro Robert Gal, 9,537. No cavalo com alças masculino, a surpresa foi a derrota do romeno Marius Urzica, que ficou com a medalha de prata, nota 9,812. O ouro ficou com o chinês Qin Xiao , 9,825.

Feminino

No feminino, a brasileira Daniele Hypolito não teve a mesma sorte do irmão. Com uma nota de partida 9,90, a brasileira chegou apenas à nota 9,400 e ficou em quinto lugar nas barras assimétricas. A vencedora foi a americana Chellsie Memmer, nota 9,625. No salto feminino, outra vitória americana com Alicia Sacramone, nota 9,537.

Hoje, as competições continuam, com Daniele disputando solo e trave e Daiane dos Santos, solo. A SporTV deve transmitir ao vivo a partir das 12h30.