Na abertura do Grupo B da Eurocopa, a Dinamarca surpreendeu e derrotou a favorita Holanda por 1 a 0. Na próxima rodada, dia 13, a Dinamarca enfrenta Portugal, enquanto a Holanda duela com a Alemanha. Na última rodada, dia 17, a Dinamarca encara a Alemanha e a Holanda fecha sua participação na primeira fase contra Portugal.

A Holanda iniciou o jogo no ataque e empurrou a Dinamarca para o seu campo de defesa. Com menos de dez minutos de partida, a atual vice-campeã mundial já tinha quatro finalizações a gol e 67% de posse de bola.

Só que a pontaria holandesa era ruim. O time criava e chutava muito, mas não acertava a meta de Andersen. E, na única oportunidade de gol no primeiro tempo, a Dinamarca marcou.

Simon Poulsen desceu pela esquerda e na hora do cruzamento foi travado. A bola sobrou na entrada área para Krohn-Delhi, que com um drible deixou Heitinga e Van Bommel para trás e chutou forte, entre as pernas de Stekelenburg, aos 24 min.

Enquanto a Holanda tinha volume de jogo, a Dinamarca era objetiva. Das cinco finalizações no primeiro tempo, todos acertaram o alvo. Já a Holanda chutou 13 vezes, mas só três pararam nas mãos de Andersen.

A Holanda voltou para o segundo tempo pressionando ainda mais. O técnico Van Marwijk sacou o volante De Jong e o meia Affelay para as entradas de Huntelaar, que marcou 48 gols na temporada pelo Schalke 04 da Alemanha, e Van der Vaart.
Em sua primeira jogada, Huntelaar recebeu lançamento de Sneijder na área, mas Andersen saiu nos pés do centroavante e salvou.

Em uma última tentativa de pelo menos empatar, o treinador holandês trocou o lateral direito Van der Wiel e colocou o atacante Kuyt. Mas a Dinamarca conseguiu segurar o resultado até o final.