Nem mesmo a presença de Novak Djokovic foi suficiente para a Sérvia neste sábado. Mesmo jogando em casa, a dupla formada pelo vice-líder do ranking da ATP e por Nenad Zimonjic acabou surpreendida de virada pelos checos Tomas Berdych e Radek Stepanek, por 3 sets a 1, com parciais de 3/6, 6/1, 6/4 e 6/1. Com o resultado, a República Checa abriu 2 a 1 no confronto de semifinal da Copa Davis.

Demonstrando estar recuperado de uma gastroenterite, que o tirou do jogo de simples na sexta-feira, Djokovic deve ser escalado neste domingo para enfrentar Berdych. Se o jogo terminar com vitória sérvia, Tipsarevic define a vaga contra Stepanek. A França já está classificada à decisão, depois de abrir 3 a 0 contra a Argentina.

Com Djokovic em quadra, a dupla sérvia foi mais agressiva e fechou com 45 winners, 10 a mais do que os adversários. Mas se atacou mais, foi menos precisa: cometeu 36 erros, contra 24 dos checos. Apostando nesta regularidade, Berdych e Stepanek souberam controlar os ânimos e construíram a virada mesmo jogando diante da torcida adversária.