O proprietário do Cleveland Cavaliers, Dan Gilbert, foi multado em US$ 100 mil por ter feito duras críticas públicas ao astro LeBron James, que acaba de se transferir do time para o Miami Heat. A punição foi anunciada na última segunda-feira à noite pela organização da NBA, a liga profissional de basquete dos Estados Unidos.

Ao anunciar a multa, o comissário da NBA, David Stern, afirmou que Gilbert fez “comentários inadequados” sobre James, que foi acusado pelo dono do Cleveland de não agir de forma ética ao ir para o Heat após sete temporadas no Cavaliers.

“Tenho que dizer que me sinto pessoalmente humilhado por James. Por um longo tempo encobrimos o tipo de pessoa que é, mas esta noite [da última quinta-feira] ele mostrou quem é. [O contrato firmado com o Heat] foi uma vergonhosa demonstração de egoísmo e traição”, afirmou Gilbert por meio de um comunicado.

De tão decepcionado com o astro, Gilbert até fez uma promessa para criticar o jogador. “Garanto que o Cleveland Cavaliers ganhará um campeonato da NBA antes que o autoproclamado ‘rei’ [LeBron] consiga um”, reforçou.