O técnico Dorival Júnior comandou na manhã desta sexta-feira um treinamento tático no Internacional visando a partida do próximo domingo, contra o Botafogo, no Engenhão, no Rio, pela 36.ª rodada do Campeonato Brasileiro. E a atividade serviu para o treinador confirmar a escalação de Tinga, que mostrou estar recuperado da lesão sofrida na partida contra o Bahia, na última quarta, no Beira-Rio.

Tinga formou dupla de volantes com Guiñazu e ocupou a vaga aberta por Bolatti, que cumprirá suspensão depois de receber o terceiro cartão amarelo. Já Guiñazu retornará à equipe depois de ter servido a seleção argentina. No jogo contra o Bahia, Tinga foi substituído por Sandro Silva aos 7 minutos do segundo tempo, reclamando de dores provocadas por uma pancada sofrida no tornozelo direito.

A dupla de volantes foi escalada ao lado dos meias Oscar e D’Alessandro, enquanto Gilberto e Leandro Damião formaram dupla de ataque. No treino desta sexta, Dorival pediu para Gilberto ajudar na marcação e na armação de jogadas no meio-campo quando o time titular estava sem a bola. Já quando a equipe retomava a posse da mesma, o atacante ficava mais adiantado ao lado de Leandro Damião.

Gilberto foi escalado como titular na partida contra o Bahia, mas acabou sendo substituído por João Paulo durante o segundo tempo. O jogador, porém, ganhou a confiança de Dorival e deverá começar o terceiro jogo seguido entre os 11 da equipe.

Caso repita a escalação treinada nesta sexta-feira, Dorival Júnior mandará o Inter a campo no domingo com a seguinte formação: Muriel; Nei, Bolívar, Rodrigo Moledo e Kleber; Guiñazu, Tinga, Oscar e D’Alessandro; Leandro Damião e Gilberto.