Em pleno feriadão do Dia do Trabalho, o Coritiba começa a ganhar forma para a partida decisiva do campeonato paranaense. No entanto, o técnico Dorival Júnior ainda depende do departamento médico para definir a formação para enfrentar o Atlético. A tendência é de que o volante Douglas Silva seja liberado para os trabalhos com bola. Se ele jogar, a tendência é que a única dúvida fique entre a manutenção de Dirceu ou a volta de Rodrigo Mancha à equipe após a suspensão automática.

Como o meia/volante Leandro Donizete e o ala-direito Marcos Tamandaré estão sem condições físicas, Júnior deverá manter Pedro Ken na ala-direita e mexer o mínimo possível na equipe. Até mesmo se Douglas não puder atuar. Aí Mancha seria a opção e Dirceu continuaria normalmente. O restante do time deverá ser mantido devido ao bom rendimento na primeira partida.

Contratação

A diretoria do Coritiba não confirma, mas deve anunciar na semana que vem a chegada do volante Alê, que disputou o Paulistão pelo Guaratinguetá.