Contra o Cruzeiro, Douglas fez a última
partida pelo Atlético nesta temporada.

A diretoria do Atlético anunciou ontem o afastamento, por tempo indeterminado, do volante Douglas Silva do clube por indisciplina. Após a análise das imagens da expulsão do jogador na partida de sábado contra o Cruzeiro, os dirigentes rubro-negros resolveram dispensar o jogador, que já havia tido problemas anteriores, principalmente durante o campeonato brasileiro de 2001.

Além dele, outros atletas podem seguir o mesmo caminho e serem liberados nos próximos dias.

“O Douglas é um funcionário do clube que não estava agindo dentro de campo conforme aquilo que o clube exige de seus atletas e culminou com essa expulsão”, explicou o diretor-superintendente Alberto Maculan. Segundo o dirigente, o jogador já havia sido alertado para evitar jogadas que gerassem uma expulsão diante dos mineiros. “Ele havia sido avisado no intervalo”, revelou Maculan. De acordo com ele, não devem acontecer mais cortes, mas alguns jogadores estão sendo fiscalizados e podem entrar na mesma barca.

Já o técnico Mário Sérgio preferiu um discurso diplomático para analisar a dispensa de um de seus atletas titulares. “É uma decisão administrativa, assim como a decisão tomada com o Eudes (Pedro, ex-auxiliar técnico). São decisões que eu acato e acho que a diretoria está certa porque quando você comete um erro você tem que pagar pelo erro”, explicou o técnico Mário Sérgio. O treinador não quis entrar no mérito da questão, mas disse que concordou e acatou a decisão. “Eu estou aqui como empregado e como o Douglas é. Então eu estou aqui para acatar a decisão da diretoria, que amanhã pode achar por bem me tirar”, complementou.

Em 2001, após pedir demissão e voltar atrás, o mesmo Mário Sérgio já havia alertado sobre a necessidade de alguns jogadores serem mais responsáveis. Ficou cunhada a célebre frase: “Ou o Atlético acaba com a noite ou a noite acaba com o Atlético”. Os atletas, liderados pelo zagueiro e capitão Nem, entenderam o recado e deram a resposta em campo com a conquista do campeonato brasileiro. No entanto, Douglas Silva (que não quis dar declarações sobre o assunto) acabou sendo penalizado (o único) e afastado pela primeira vez do grupo de jogadores.

Em 2002, ele foi emprestado ao Sport no primeiro semestre e voltou para o Brasileirão daquele ano disposto a apagar a má imagem. Com contrato até 2004, o volante irá ficar treinando no Rio de Janeiro (recebendo normalmente seus salários) até o final do ano, quando as partes voltam a conversar para definirem o que fazer dali em diante.

Clube tem provas para desmentir o árbitro

A diretoria do Rubro-Negro quer provar que o árbitro paulista Romildo Corrêa mentiu na súmula da partida Atlético x Cruzeiro. De acordo com o documento redigido pelo juiz no jogo de sábado, a torcida teria atirado “pedras, pilhas e até rolos de pães”. Com o relato, o clube corre o risco de perder mando de jogo por algumas partidas, mas quer evitar mais esse prejuízo mostrando que os torcedores não deram causa para tanto.

Hoje, o clube envia para o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e para a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) fitas com as imagens da partida, principalmente com as imagens capitais. “Queremos que o Luiz Zveiter (presidente do STJD) e o Armando Marques (presidente da Comissão Nacional de Arbitragem – Conaf) vejam o que aconteceu. Na própria fita aparece ele (Romildo) se abaixando e pegando apenas um copinho de papel”, disse o diretor-superintendente Alberto Maculan.

Além dos vídeos, o clube também irá mandar laudos da Polícia Militar, que comprovariam que nenhuma pedra ou pilha teria sido atirada ao gramado. A meta é evitar a perda de mando de jogo, provavelmente, nas partidas contra o Fluminense (dia 4/10) e/ou Coritiba (11/10).

Time

Enquanto isso, o técnico Mário Sérgio começa hoje a preparar a equipe para enfrentar o Juventude, domingo, em Caxias do Sul. O treinador deverá realizar trabalhos táticos e de finalizações. A principal dor de cabeça será a definição dos substitutos de Douglas Silva (suspenso e dispensado) e Adriano (também suspenso). Os principais candidatos são Daniel para a zaga com Alan Bahia sendo deslocado de volta para o meio. No lugar de Adriano, Fernandinho deverá ser confirmado. Já para o lugar de Tiago (mais um suspenso), Rogério Correia tem presença confirmada após cumprir suspensão automática contra a Raposa.