O técnico Dunga afirmou nesta terça-feira que a base da seleção brasileira para a Copa do Mundo de 2010 está formada. Ele admitiu que os atletas que foram chamados para as últimas partidas estão mais perto da convocação para o Mundial da África do Sul.

“Desde o início, tudo vem sendo olhado por nós, prestando atenção no rendimento, regularidade dos jogadores. Os que têm vindo é normal que tenham uma vantagem. Mas até o último dia estaremos observando”, afirmou.

Ele admitiu que, com a classificação antecipada para a Copa do Mundo de 2010, o momento é de realizar alguns testes visando o Mundial. “Se em três anos não tiver base, o Ricardo Teixeira me manda embora. A seleção está aberta, dando continuidade ao que pensamos, vamos ver outros jogadores, que estão sendo testados. Os que estão mais seguidamente aqui deram um grande passo”, comentou.

Dunga garantiu que as lesões enfrentas pelo zagueiro Juan não vão deixá-lo fora da Copa do Mundo. “A gente gostaria de contar com ele. É jogador de nossa confiança, está fazendo um trabalho especial. Se achou melhor poupar, mas confiamos plenamente nele”, justificou.