A Tribuna do Paraná/Gazeta do Povo contou com o apoio dos seus leitores para listar dez ex-jogadores que concorrem ao cargo de vereador em suas respectivas cidades em 2020. Confira a lista dos boleiros que agora vão tentar uma carreira na política.

Adriano Gabiru

Campeão brasileiro pelo Athletico e uma das principais revelações do clube, Adriano Gabiru vai concorrer a um cargo de vereador em Curitiba pelo PMB. Hoje com 43 anos, o ex-meia vestiu a camisa do Furacão em sete temporadas.

Gabiru se notabilizou por ter marcado o gol da vitória do Internacional sobre o Barcelona na conquista do Mundial de Clubes em 2006. O ex-jogador também já vestiu a camisa da seleção brasileira e de outros clubes como Cruzeiro, Sport e Goiás.

Saulo, o Tigre da Vila

Maior ídolo da história do Paraná, Saulo, o Tigre da Vila, será candidato a vereador em Curitiba pelo CIDADANIA. Com 53 anos, o ex-atacante é também o maior artilheiro da história do Tricolor, com 104 gols assinalados.

Dentro da Vila Capanema, o Tigre possui uma placa que imortaliza seu feito de ter passado dos 100 gols com a camisa do Paraná Clube. Identificado com a torcida, o ex-atacante também já foi técnico da equipe.

Jetson

No início da década de 90, Jetson vestiu a camisa do Coritiba. Foram seis temporadas pelo Coxa, clube em que teve a oportunidade de trabalhar com o ídolo Dirceu Krüger. Antes de sua passagem pelo Alto da Glória, o ex-atacante passou pelo Colorado e chegou à seleção brasileira.

Com 47 anos, Jetson será candidato a vereador em Curitiba pelo PSD.

Paulo Rink

Revelado pelo Athletico no início dos anos 90, Paulo Rink já está na carreira política desde 2012, quando foi vereador de Curitiba.

Após boas temporadas pelo Furacão, Paulo Rink foi vendido ao Bayer Leverkusen, da Alemanha, se naturalizou alemão e chegou a disputar a Eurocopa e a Copa das Confederações pela seleção.

O ex-atacante, que brilhou ao lado de Oséas no antigo Joaquim Américo, tenta a reeleição à Câmara de Vereadores da capital pelo PL.

lancamento da candidatura do paulo rink

Kako Mazanek

Conhecido por seu trabalho realizado na Rádio Transamérica quando foi setorista do Coritiba, Kako Mazanek é candidato a vereador em Curitiba pelo PSL. Pra quem não sabe, Kako já foi jogador nas categorias de base de Athletico e Coritiba.

Dinei

O ex-atacante Dinei é uma figura folclórica do futebol brasileiro. Ídolo no Corinthians e com passagens pelo Coritiba na década de 90, o ex-jogador será candidato a vereador em São Paulo pelo REPUBLICANOS.

Dinei, 49 anos, já tentou carreira política em diversas ocasiões, mas nunca conseguiu se eleger. Com a camisa do Coxa, o ex-atacante acabou sendo suspenso por ter caído no doping por uso de cocaína. O ex-jogador também já participou do reality show A Fazenda, da TV Record.

Marcelinho Carioca

Outro ídolo do Corinthians, Marcelinho Carioca, 48 anos, também será candidato a vereador em São Paulo pelo PSL. O ex-jogador fez história no Timão com a conquista de quatro campeonatos paulistas, dois brasileiros e um Mundial de Clubes.

Odvan

Ídolo do Vasco e com passagens pela seleção brasileira, o ex-zagueiro Odvan é candidato a vereador em Campos dos Goytacazes-RJ, pelo MDB. Odvan também passou pelo futebol paranaense, quando vestiu a camisa do Coritiba em 2003.

Somália

Revelado pelo América-MG e com passagens por grandes clubes do futebol brasileiro, como Goiás, Grêmio e Fluminense, Somália, 43 anos, é candidato a vereador pelo PP em Belo Horizonte.

Audálio

Audálio “Nego Doido”, como se autointitula, é candidato a vereador pelo PRTB em Maceió. Ainda não lembra dele? O cara é o zagueiro que fez o gol contra do acesso do Paraná em 2017 no duelo frente ao CRB, na capital alagoana. Foi Audálio que empurrou a bola pra rede no Rei Pelé, decretando a volta do Tricolor à Série A após 11 anos.


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?