A contratação de Mano Menezes como novo técnico do Flamengo agradou o volante Elias. O jogador voltará a trabalhar com o treinador depois de tê-lo como comandante por mais de dois anos, entre 2008 e 2010, no Corinthians. Mas o próprio Elias sabe que Mano precisará de tempo para impor seu estilo no clube carioca e, por isso, pediu paciência à torcida.

“Ele demorou um ano para encontrar uma forma ideal para o time do Corinthians. Mano chegou ao clube em 2008, trabalhava diariamente e, só em 2009, conquistou o Paulista e a Copa do Brasil. É necessário tempo para implantar uma filosofia. Temos que trabalhar duro para atingir o patamar do Corinthians de 2009”, declarou.

Elias não escondeu a admiração pelo treinador e celebrou a oportunidade de trabalhar novamente com aquele que classificou como “pai”. “Ele é pai, mas não fica passando só a mão na cabeça. Cobra também e é duro como já foi comigo várias vezes quando foi preciso”, comentou.

O jogador ainda comentou sobre a nova formação testada por Mano Menezes nesta quinta-feira. O treinador armou o Flamengo no 4-3-3, como atuava o Corinthians citado por Elias, mas manteve alguns jogadores tidos como chave, que já vinham atuando com Dorival Júnior e Jorginho.

“Todos que chegaram entraram na filosofia vencedora do Flamengo. Então, atletas como eu, Felipe, Léo Moura e González devem trabalhar para que mantenham seus lugares no time titular. Procuramos ser a base para que o Mano Menezes possa escalar outros jogadores e não pese muito para eles”, disse Elias.