A invasão argentina à Brasília já pode ser comparada ao movimento que aconteceu em Porto Alegre, quando cerca de 80 mil torcedores cruzaram a fronteira para ver Messi e seus companheiros. De acordo com a embaixada argentina, cerca de 50 mil argentinos estão na capital federal para o jogo deste sábado válidos pelas quartas de final. Faltando pouco mais de uma hora para o jogo, milhares de torcedores tomam conta das proximidades do Estádio Mané Garrincha, em Brasília.

A grande maioria preferiu o caminho aéreo. A Inframérica, empresa que administra o Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek, informou que 77 novos voos na malha aérea de Brasília vão atender a demanda dos argentinos. Outros milhares percorreram os quase três mil quilômetros de distância entre Buenos Aires e Brasília em ônibus, caminhões, motorhomes e veículos de passeio.

A grande maioria deles está acampada no Parque de Exposições da Granja do Torto, estrutura oferecida pelo Governo Federal para receber a torcida argentina. O espaço oferece boa infraestrutura com chuveiros, banheiros, água e assistência ao turista.

Como a maioria absoluta dos torcedores não tem ingressos – estima-se que apenas 20% do total tenham entradas – um telão já foi instalado na Granja do Torto para a transmissão da partida deste sábado. O telão é uma alternativa para os torcedores já que o acampamento é distante da Fan Fest (26 quilômetros), espaço criado pela Fifa em toda as sedes para os torcedores sem ingressos. A Fan Fest tem espaço para 20 mil torcedores.