Quito – Equador e Colômbia buscam a recuperação nas Eliminatórias hoje, às 18h (de Brasília), no Estádio Atahualpa, em Quito, no Equador. Com apenas quatro pontos ganhos, as seleções precisam vencer para manter o sonho de conquistar uma das quatro vagas sul-americanas. Em jogo, um longo tabu: os equatorianos não vencem o rival em casa, em jogos pelas Eliminatórias, desde 1965.

O colombiano Hernán Dario Gomez, técnico do Equador, aposta no conjunto da equipe. O único desfalque é o goleiro José Francisco Cevallos, lesionado, que será substituído por Jacinto Espinosa.

Hernán Dario Gomez disse que não tem nenhum tipo de sentimento por enfrentar a seleção de seu país. “Sou profissional e isso é mais do que suficiente”, garantiu.

Os colombianos estão motivados, após o triunfo por 2 a 0 sobre o Peru, em Lima, em março. O meia Freddy Grisales e Juan Pablo Angel, principal atacante da equipe, contundidos, desfalcam o time. Luis Gabriel Rey e Eudalio Arriaga disputam a vaga no ataque. Elkin Murillo ganha uma chance no meio-campo.

“O Equador é um bom time, mas não teremos problemas para vencer, pois queremos sair das últimas colocações”, afirmou Murillo.