A fase realmente não é boa para o meia argentino Equi González. Depois de perder espaço no time na reta final do Campeonato Brasileiro do ano passado, justamente quando o Fluminense reagiu para fugir do rebaixamento, o jogador ainda não conseguiu atuar pelo clube em 2010. Para piorar, ele teve que operar o joelho e ficará afastado por um mês.

Na tarde deste sábado, Equi González foi submetido a uma artroscopia no joelho esquerdo. O procedimento, realizado no Hospital Barra D’Or, na Barra da Tijuca, teve que ser realizado porque o meia vinha sentindo dores na articulação. Segundo Michael Simoni, coordenador médico do Fluminense, a cirurgia foi bem-sucedida.

“O Equi vinha sentindo um desconforto na face lateral do joelho esquerdo e, após o exame de ressonância magnética, ficou constatada uma lesão no menisco lateral”, explicou Simoni, que estimou o prazo de um mês para a recuperação do jogador.

Equi González, de 29 anos, chegou ao Fluminense ainda em agosto de 2009. Apesar de ter uma carreira de sucesso no futebol argentino, sendo campeão da Copa Libertadores pelo Boca Juniors, em 2003, e ser admirado pela torcida do Rosario Central, pelo qual já teve três passagens, o meia nunca vingou no clube carioca e ainda busca o seu espaço no time titular.