Mesmo desfalcada de alguns jogadores importantes, como Puyol e Xavi, a seleção espanhola mostrou nesta terça-feira porque é a atual campeã da Eurocopa e da Copa do Mundo. Com tranquilidade, ganhou amistoso contra a Venezuela, por 3 a 0, em Puerto la Cruz, e encerrou com êxito a sua excursão pela América.

No último sábado, a Espanha já tinha vencido amistoso contra os Estados Unidos, nos arredores de Boston, por 4 a 0. Dessa vez, a seleção espanhola foi até a Venezuela e conseguiu mais uma vitória convincente, mesmo diante do forte calor em Puerto la Cruz e da empolgação da torcida local.

O primeiro gol espanhol saiu logo aos cinco minutos de jogo, em cobrança de falta de David Villa. O também atacante Pedro ampliou aos 30, após bela jogada ofensiva da Espanha. E o terceiro saiu ainda no primeiro tempo, em outra cobrança de falta, dessa vez com o volante Xabi Alonso, já aos 45.

Em outro amistoso disputado nesta terça-feira, a Irlanda surpreendeu a Itália e ganhou por 2 a 0 em Liege, na Bélgica. A seleção italiana jogou com praticamente força máxima, mas foi superada pelos irlandeses, que são comandados pelo técnico italiano Giovanni Trapattoni.

Keith Andrews, aos 36 minutos do primeiro, e Simon Cox, aos 45 do segundo, fizeram os gols da vitória da Irlanda. “Se fosse mesmo para perder, melhor que fosse para Trapattoni”, disse o técnico da seleção italiana, Cesare Prandelli, que foi jogador de Trapattoni quando ele treinava a Juventus na década de 80.

Ainda nesta terça-feira, aconteceram mais alguns amistosos de destaque no futebol mundial: Rússia 0 x 0 Camarões, Noruega 1 x 0 Lituânia, Áustria 3 x 1 Letônia, Austrália 0 x 0 Sérvia, Japão 0 x 0 República Checa e Coreia do Sul 2 x 1 Gana.