Atual campeã mundial, a Espanha confirmou oficialmente nesta quinta-feira que começará a sua concentração para a Copa do Mundo de 2014 em 26 de maio, assim como revelou que fará um amistoso com a Bolívia, quatro dias depois, no Estádio Sánchez-Pizjuán, em Sevilha.

Por meio de nota publicada em seu site oficial, a Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) destacou que os jogadores irão se apresentar ao técnico Vicente del Bosque 19 dias antes da estreia do país no Mundial, contra a Holanda, em 13 de junho, na Arena Fonte Nova, em Salvador.

A escolha do local para o amistoso diante da Bolívia não foi por acaso. Será a 24ª vez que a Espanha disputará um jogo no estádio do Sevilla, onde o país ainda está invicto. A própria cidade que abrigará o duelo diante dos bolivianos já elaborou um cartaz de promoção para a partida, contendo a seguinte frase: “Sevilha, um grande começo para voltar a fazer história”.

Na próxima quarta-feira, a Espanha fará um amistoso contra a Itália, em Madri, também já visando a Copa de 2014. Nesta sexta, Vicente del Bosque anuncia a lista de convocados para este duelo diante dos italianos.

Integrante do Grupo B do Mundial, a seleção espanhola também terá como rivais na primeira fase da competição o Chile, em 18 de junho, no Maracanã, e a Austrália, cinco dias depois, na Arena da Baixada, em Curitiba. Antes disso, em sua estreia na competição, os campeões do mundo reencontrarão o rival da final da Copa de 2010, na África do Sul, onde derrotaram os holandeses por 1 a 0, com gol de Iniesta, no Estádio Soccer City.