O boxeador Esquiva Falcão estreou com vitória no Mundial de Boxe de Almaty, no Casaquistão. O brasileiro, medalhista olímpico em Londres, derrotou o bielo-russo Vitali Bandarenka por 2 a 1 neste sábado. Apesar da vitória, Esquiva saiu do ringue preocupado com o corte sofrido no supercílio, em um choque contra a cabeça do rival, no terceiro rouund.

“Infelizmente aconteceu um choque de cabeça que criou um corte no final da luta, mas ganhamos. Agora minha luta é contra o russo, mas essa não é minha preocupação. Minha preocupação é o corte. Tenho que ver se o médico vai liberar, está tudo na mão de Deus”, afirmou o boxeador, em seu perfil no Facebook.

Se for liberado pelos médicos, Esquiva enfrentará na sequência o russo Artem Chebotarev, na categoria até 75 kg. Ainda neste sábado, os brasileiros Robenilson de Jesus (até 56 kg) e Patrick Lourenço (até 49 kg) lutam no Mundial.