O meia Essien, do Chelsea, finalmente conseguiu desembarcar em Angola nesta quarta-feira para defender a seleção de Gana na Copa Africana de Nações. O país faria a sua estreia contra Togo, na última segunda-feira, mas a seleção togolesa desistiu da competição depois do atentado que matou dois integrantes de sua delegação na última sexta-feira, em Cabinba.

Com isso, Essien irá disputar a sua primeira partida com a seleção de Gana no torneio nesta sexta-feira, contra a Costa do Marfim, já em jogo válido pela segunda rodada do Grupo B da Copa Africana, em Cabinda.

A chegada de Essien estava inicialmente prevista para acontecer no domingo à noite, mas o mau tempo em Londres fez o seu voo para Angola ser atrasado. Nesta quarta-feira, porém, a Associação de Futebol de Gana confirmou: “Ele desembarcou nesta manhã em Angola. Ele está com a seleção”.

“Ele está pronto para jogar e está à disposição. Se o treinador decidir que ele irá jogar, ele estará disponível para o jogo (contra Costa do Marfim)”, segue o comunicado da entidade que controla o futebol de Gana.

A dúvida pela presença de Essien em campo existe também pelo fato de o jogador ter se recuperado de uma contusão recentemente. Ele provavelmente terá de passar por um teste físico para poder ser confirmado pelo técnico Milovan Rajevac no confronto com os marfinenses.