O Campeonato Estadual de Salto para Amazonas, realizado neste fim de semana nas pistas da Sociedade Hípica Paranaense, reunindo 81 amazonas, mostrou mais uma vez todo o charme e competência da mulher paranaense.

“70% dos nossos filiados são mulheres”, diz o presidente da Federação Paranaense de Hipismo, Nélson Ribas. “Por isso um campeonato como este é muito importante”, comenta.

Os resultados mostraram rotatividade nas posições superiores. Taís Arruda, montando Tessa Van de Zuuthoeve, da Força Livre de Arapongas, foi a grande vencedora do salto de 1,30m, o mais elevado. Campeã do Paraná em 2002, vice-campeã brasileira em 2005 e também representou o Brasil no campeonato sul-americano.

O segundo lugar ficou com Adriana Busato, montando HFB Kelzelma. A campeã de saltos de 1,20m foi Giovanna de Finis Sobania, montando Átomo Clasi. Giovanna foi a única representante da Manerge Araucária, de Araucária, entre treze concorrentes.

Em segundo ficou Daniele Miró de Campos, montando Kaleidoscope e em terceiro ficou Cristine Lopes, montando Licanthus J. Men, ambas da Sociedade Hípica Paranaense, de Curitiba.

A advogada Michelle Seleme Villafañe, do Centro Hípico Três Lagos, montando Ithaú Cataratas Adal, foi a campeã final dos obstáculos de 1,00m. E não foi fácil. Na primeira final houve empate com Maria Inês Schuchovski Ribeiro e Fernanda Sári Ferreira. No primeiro desempate, houve novo empate com Maria Inês. Somente no segundo desempate é que houve a classificação.