Negari Terfa, da Etiópia, foi o grande campeão da 11.ª Maratona Internacional de Xiamen, na China. O corredor aproveitou-se das perfeitas condições climáticas para quebrar o recorde do evento.

Praticamente não havia vento na cidade de Fujan, onde aconteceu o início da prova, e a temperatura era de 13ºC. Soma-se isso ao percurso praticamente todo plano e muita gente quebrou suas marcas pessoas, seja na elite ou amadores.

Terfa terminou a prova com o tempo de 2h07min32s, cinco segundos mais rápida que a antiga marca, que era do queniano Peter Kamais, alcançada na edição de 2012. Mas não foram somente as condições climáticas que ajudaram o etíope a ficar com o recorde. A forte concorrência também. As oito primeiras colocações foram preenchidas por africanos.