Um dos mais importante nomes da história do Coritiba, o ex-presidente Aryon Cornelsen, fará neste sábado (13) o lançamento da sua biografia Aryon Cornelsen: um empreendedor de vitórias, escrito por Vinícius Coelho. O evento acontecerá às 10h na Livrarias Curitiba da Boca Maldita e, na quinta-feira da outra semana (25), acontecerá outro evento, desta vez na Livrarias Curitiba do shopping Estação, às 19h30.

O torcedor Coxa poderá prestigiar um dos presidentes mais marcantes do clube e também garantir o exemplar com a história deste grande personagem do Coritiba.

Saiba um pouco da história de Aryon Cornelsen

Aryon Cornelsen nasceu no dia 3 de maio de 1921. Iniciou sua vida no Coritiba como atleta das categorias de base, ainda no Infantil, em 1932, inclusive participando das festividades de inauguração do Estádio Belfort Duarte. Estreou na equipe principal em 1940 e na semana seguinte participou do jogo de inauguração do Estádio Pacaembu.

Saiu do Coritiba por duas temporadas e voltou em 1943. No ano de 1944 se formou em direito e deixou o futebol. Mas o amor pelo esporte o fez retornar em 1949 para a disputa do Estadual. Após sofrer uma lesão grave, aos 28 anos, encerrou sua carreira em definitivo. Depois disso, continuou dedicando sua vida ao Coxa, mas como dirigente.

Cornelsen era um homem com visão a frente de sua época. Em 1956 foi eleito presidente do Coxa e criou a promoção Bolo Esportivo, uma espécie de loteria. Com o dinheiro arrecadado construiu um novo Belfort Duarte, gigante, de concreto.

Mas não foi só isso. Aryon é o presidente que tem a maior média de títulos conquistados entre todos. Venceu os estaduais de 1956, 1957, 1959, 1960 e 1962, e ainda perdeu o de 1961 nos tribunais, o que seria o primeiro Tri-campeonato da história do Clube. Foi presidente até 1963 e nas décadas de 60 e 70 continuou ajudando o Coritiba a levantar dinheiro para finalizar a construção do estádio.