Exames realizados na noite de quinta-feira descartaram a possibilidade de fratura no tornozelo esquerdo do atacante Obina. O jogador do Atlético Mineiro será submetido a novas avaliações nesta sexta-feira para descobrir a gravidade da lesão sofrida no jogo com a Chapecoense.

Obina precisou deixar o gramado do Mineirão após dividir uma bola com o zagueiro Rodrigo logo aos 10 segundos de jogo. O lance preocupou os jogadores do Atlético, que pediram a presença do médico em campo, enquanto o atacante se contorcia de dor.

O jogador acabou substituído por Muriqui e não pôde participar da goleada de 6 a 0 sobre o time catarinense. A vitória garantiu o Atlético nas oitavas de final da Copa do Brasil. O próximo adversário será o Sport, que eliminou o Paraná.