Está por vir mais um Rally dos Sertões, a prova off-road mais esperada do ano. De 25 de julho a 3 de agosto, os competidores acelerarão sua máquinas por 4.157 quilômetros, que nesta edição passará apenas por dois Estados: Goiás e Tocantins.

Serão oito cidades dormitório: Goiânia, Pirenópolis, Uruaçu, Porangatu, Minaçu e Goianésia, GO, e Natividade e Palmas, TO. Do percurso total, 62% serão de trechos cronometrados, ou seja, 2.578 quilômetros.

Pelo caminho, um verdadeiro “campo de testes” do fora-de-estrada: muitas erosões, pedras, curvas – setores bem sinuosos -, pontes, lombadas, valas, mata-burros, travessias de rios, chão de areia… Enfim, um mix bem variado para quem se declara adepto do jargão “quanto pior, melhor”.

De acordo com a organização do evento – a Dunas Race -este ano, o roteiro explorará uma região do Jalapão, no Tocantins, nunca visitada antes pela caravana do Sertões.