São 33 jogos de invencibilidade do Corinthians, que lidera o Campeonato Brasileiro com oito pontos de vantagem sobre o Grêmio. Os bons resultados parecem surpreender até os corintianos, mas ninguém se atreve a falar em títulos, pelo contrário. O discurso unânime é que ainda muitos jogos serão realizados e falar em conquista neste momento é um risco desnecessário.

“Risco sempre existe, pois o futebol é dinâmico. Achar que já ganhou alguma coisa é um perigo. Precisamos manter a humildade e os pés no chão. Ainda faltam 20 rodadas e tem muita coisa para rolar no campeonato”, disse o lateral-direito Fagner.

Um dos líderes do elenco, o jogador acredita que o desempenho da equipe esteja surpreendendo muita gente pela dificuldade que o Campeonato Brasileiro apresenta. “Sabemos que é muito difícil conquistar pontos como nós estamos conquistando. Quando o campeonato começa, você coloca umas dez equipes na briga pelo título. Sabemos daquilo que estamos fazendo, mas continuamos nos cobrando muito para manter os pés nos chão e a humildade para não perder o foco.”

Como já disse em outros momentos, o lateral não acredita que o Corinthians será campeão invicto e espera que o time saiba absorver bem quando a derrota acontecer. “Uma hora isso vai acontecer e temos de ter essa consciência. O mais importante é que, quando acontecer a derrota, temos que ter a tranquilidade para não jogar fora tudo isso que estamos fazendo até agora.”

O elenco corintiano voltou de Belo Horizonte no começo da tarde desta quinta-feira e retorna aos treinos na sexta-feira, visando a partida contra o Sport, sábado, às 19h, no Itaquerão.