Thomaz Bellucci terá pela frente em Gstaad o favorito ao título, David Goffin. Primeiro cabeça de chave do torneio suíço, de nível ATP 250 e disputado no saibro, o belga avançou à semifinal nesta sexta-feira ao derrotar o português João Sousa por 2 sets a 1, com parciais de 6/7 (7/9), 6/4 e 7/6 (7/1).

Goffin, em ascensão no circuito profissional, ocupa atualmente a 14ª colocação do ranking. E vem de uma final Hertogenbosch, na Holanda, e das oitavas de final obtida em Wimbledon. Em Gstaad, o tenista de 24 anos busca sua quinta decisão na carreira – tem dois títulos e dois vice-campeonatos.

Para tanto, terá que superar Bellucci neste sábado. O brasileiro só enfrentou o belga uma vez no circuito e levou a melhor. Venceu no piso duro de Auckland em 2013. O número 1 do Brasil também conta com a vantagem de conhecer bem o saibro de Gstaad. Foi na competição suíça que ele faturou dois dos seus quatro troféus no circuito profissional, em 2009 e 2012.

“Não tem como não me sentir bem e em casa aqui. Além de ser um lugar lindo, gosto muito das condições daqui, pois se adaptam muito bem ao meu jogo. Estou pronto para chegar à mais uma final”, afirmou Bellucci, atual número 39 do ranking. “Estou muito feliz com mais essa semifinal aqui em Gstaad.”

A outra semifinal da competição suíça terá o espanhol Feliciano López e o austríaco Dominic Thiem. O tenista da Espanha avançou ao superar o colombiano Santiago Giraldo por 7/6 (7/4) e 6/4. Thiem, por sua vez bateu o espanhol Pablo Carreño Busta por 6/4, 3/6 e 6/2.