O americano Andy Roddick pulou para a quinta posição do ranking da ATP, em detrimento do argentino Juan Martín del Potro, enquanto as outras posições do top ten não sofreram variações, com o suíço Roger Federer com 485 pontos de vantagem sobre o espanhol Rafael Nadal.