Um mês após ser eliminado de forma inesperada no US Open, Roger Federer voltou às quadras nesta segunda-feira com vitória em sua estreia na chave de duplas do Masters 1000 de Xangai, na China. O suíço jogou ao lado do local Ze Zhang e superou o sul-africano Kevin Anderson e o russo Dmitry Tursunov por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/1.

Na segunda rodada, Federer e Zhang terá pela frente o brasileiro Marcelo Melo e o croata Ivan Dodig. A dupla de Melo é a quinta cabeça de chave do torneio e estreará direto na segunda rodada.

Na chave de simples, Federer só deve estrear na quarta-feira. Sem jogo na rodada de abertura, ele aguarda pelo vencedor do confronto entre o australiano Lleyton Hewitt e o italiano Andreas Seppi, marcado para terça.

Nesta segunda, o alemão Tommy Haas venceu na estreia, ao superar o norte-americano Sam Querrey por duplo 6/4. Na sequência, ele vai duelar com o vitorioso da partida entre o também alemão Daniel Brands e o colombiano Alejandro Falla.

John Isner, por sua vez, eliminou Santiago Giraldo, compatriota de Falla, por 4/6, 7/5 e 7/5. O norte-americano vai enfrentar na segunda rodada o argentino Carlos Berlocq. Ainda nesta segunda, o francês Gael Monfils eliminou o japonês Tatsuma Ito por 6/3 e 6/2, enquanto o espanhol Marcel Granollers bateu o sérvio Janko Tipsarevic por duplo 6/4.

O tenista da Espanha será o adversário de estreia do sérvio Novak Djokovic, primeiro cabeça de chave do torneio. Djokovic acabou de ser destronado do posto de número 1 do mundo. Na lista atualizada pela ATP, nesta segunda, ele foi superado por Rafael Nadal, que ainda não tem adversário definido para estrear em Xangai.