O tenista brasileiro João Souza, mais conhecido pelo apelido Feijão, abandonou o jogo desta quarta-feira contra o espanhol Albert Montañes por causa de dores musculares. Assim, ele foi eliminado na segunda rodada do Brasil Open, torneio que acontece no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo.

Número 129 do mundo, Feijão entrou na chave principal do torneio com um convite da organização e conseguiu uma boa vitória na estreia de segunda-feira, ao fazer 2 a 0 no holandês Robin Haase. Nesta quarta-feira, porém, ele não resistiu às dores e acabou abandonando o jogo no segundo set.

Feijão chegou a pedir atendimento médico no primeiro set, mas continuou jogando e foi derrotado por 6/4. Na segunda parcial, quando vencia por 3 a 2, o tenista brasileiro acabou desistindo da partida. Assim, o espanhol garantiu sua presença nas quartas de final do torneio em São Paulo.

Em 68º lugar no ranking, Montañes jogará agora contra o argentino Federico Delbonis, número 61 do mundo, que também avançou nesta quarta-feira às quartas de final. Ele provocou a grande surpresa do dia, ao eliminar o espanhol Nicolas Almagro por 2 sets a 1, com parciais de 3/6, 6/3 e 6/2.

Maior campeão da história do Brasil Open, com três títulos conquistados, Almagro era o cabeça de chave número 2 do torneio. Mas acabou eliminado logo em sua estreia, dando adeus à chance de ser tetra. Assim, Delbonis avançou para as quartas de final, quando enfrentará agora Montañes.