O goleiro Felipe negou nesta quinta-feira que esteja insatisfeito no Corinthians e garantiu que retornará ao time no clássico contra o Santos, quarta-feira, no Estádio do Pacaembu, pelo Campeonato Brasileiro. O jogador negou que para permanecer no clube tenha pedido um aumento salarial. “Não tem como cobrar alguma coisa se você não está nem jogando. Não existe isso, já quis jogar uma vez contra o Palmeiras mesmo machucado. Joguei mais de 50 jogos neste ano, fiquei só três vezes fora. Conversei com o Mano, estava no sacrifício achei melhor parar três jogos”, explicou.

Felipe negou que a Roma tenha feito uma proposta para tirá-lo do Corinthians. “Nada mais do que uma consulta. Não tem nada”, disse, prometendo que logo vai retornar ao time. “Estou me preparando para estar bem e jogar na quarta-feira. A dor que tenho é mínima, amanhã todo mundo vai me ver treinando”.