O espanhol David Ferrer venceu o duelo diante de seu compatriota Feliciano López e conquistou o Torneio de Kuala Lumpur neste domingo. Ele se tornou o primeiro atleta do país a vencer a competição ao derrotar o adversário em um difícil confronto, por 2 sets a 0, com duplo 7/5.

A decisão colocou frente a frente os dois principais cabeças de chave da competição, com o principal favorito levando a melhor. Ferrer faturou seu quarto troféu na temporada, sendo que os três primeiros foram levantados em Doha, Rio de Janeiro e Acapulco.

Foi também o 25.º título de simples do espanhol no circuito, em sua 50.ª final. E para conquistá-lo, o tenista precisou superar um começo bastante ruim, tendo sido quebrado logo de cara. O número 8 do mundo, então, se recuperou, empatou o set e conseguiu a quebra decisiva no 12.º game para levar a melhor.

Na segunda parcial, o duelo foi mais equilibrado e seguiu sem nenhuma alteração até o 12.º game. Novamente, então, Ferrer fez valer sua experiência, atacou o saque do adversário e conseguiu a quebra decisiva para confirmar o título.